Frio a partir do gás natural (GNL)

O frio de alta qualidade é uma das energias mais cara que conhecemos no nosso planeta. O nosso sistema de regaseificação Eco ice patenteado utiliza uma fonte de frio que se vai acumulando de forma gratuita.

Sistema de regaseificação nas instalações da Eco ice Kälte GmbH

Sistema de regaseificação nas instalações da Eco ice Kälte GmbH

Gás natural (NG – Natural Gas) em estado normal é gasoso, isto é, fonte de energia volumosa. No processo de extração de gás natural, este deve ser refrigerado a -162 °C, de forma a tornar-se transportável. O gás transforma-se em líquido – LNG (Liquefied Natural Gas) (gás natural liquefeito -GNL), que tem um volume 600 vezes menor ao volume original. Devido a esta redução do volume, é possível armazenar e transportar melhor o GNL, do que o gás natural gasoso. Frequentemente o GNL é armazenado nos chamados sistemas satélite (, um reservatório com paredes duplas e com isolamento por vácuo). Para se usar o gás natural como um combustível a partir desse sistema satélite, este deve voltar ao seu estado gasoso. Neste processo (também conhecido como regaseificação) é produzida energia frigorífica valiosa.


A Eco ice usa o frio resultante da regaseificação como um potencial energético que foi completamente ignorado no passado.

Só por motivos económicos e devido ao uso sustentável dos recursos e ao seu fator ecológico, a utilização desta fonte de energia é sempre sensata, quando o GNL é utilizado como combustível e simultaneamente resulta uma necessidade de refrigeração.

O nosso folheto em formato PDF “Eiskalte Ersparnis” (Poupança Gelada) (uso da refrigeração por regaseificação) para download